| em 05 maio 2009

35 Dicas Para Fazer Sua Mulher Delirar Na Cama

Se a comunicação entre homens e mulheres já é complicada no dia-a-dia, imagine entre quatro paredes, quando o blablablá é o que menos importa. E aí, meu caro, haja paciência para adivinhar o que está ou não agradando na cama - isso, claro, considerando que você ainda não levou um belo pé no traseiro em resposta ao desempenho amador.


35 dicas quentíssimas, que você confere a seguir. (Texto Adaptado)

1. Massagem é uma delícia, mas detesto ter que pedir. Gosto quando ele me vira de costas e começa fazendo carinho no pescoço, com as pontas dos dedos e, aos poucos, vai usando a mão toda para massagear toda a parte de trás do meu corpo.

2. Adoro sentir a língua do meu marido, passeando por todo o meu corpo. Saber intercalar movimentos suaves a outros mais rápidos é fundamental.

3. Um elogio, feito na hora certa, acende qualquer transa. A gente fica horas pensando na lingerie que vai usar com o marido, elogiar é o mínimo que ele pode fazer.

4. Cama? Haja paciência para ficar só por ali. Gosto quando meu marido toma a iniciativa e propõe uns lugares ousados para a gente ficar junto.

5. Língua e dedo formam uma combinação mágica. Mas o cara precisa ter paciência e entender os exercícios como um aquecimento. Como todo preparo, só indo com calma para fazer efeito sem machucar.

6. Uns bons apertões no bumbum e nos seios são uma delícia. Mas cada um a seu tempo, sem parecer que você vai virar fumaça daqui a pouco. Os dois precisam curtir os amassos.

7. Mulher sofre para fazer depilação, os caras deveriam seguir o exemplo e, pelo menos, dar uma parada nos pêlos. Adoro quando percebo que ele tomou esse tipo de cuidado.

8. Interromper tudo para ir ao banheiro é o fim do mundo, eles precisam entender que demoramos para pegar embalo. Por isso, é melhor aproveitar a temperatura mais caliente.

9. Pequenas mordidinhas, em lugares onde não consigo enxergar, me deixam louca. Atrás da coxa, no bumbum e nas costas, perto do ombro, são meus lugares favoritos.

10. Adoro quando ele esfria a boca com umas pedras de gelo e, depois, vem me beijar. O choque de temperatura entre minha pele e a língua dele me deixa toda arrepiada.

11. Gosto quando ele faz mil peripécias nas preliminares e, depois de abusar da criatividade, coloca uma venda nos meus olhos e me obriga a ficar quietinha, esperando que ele tome conta da situação.

12. Escolher a música certa é aposta garantida para um clima fervilhante. Mas nada daquela chateação de ficar trocando o CD ou pulando os arquivos, o cara precisa pensar nisso tudo antes e já montar uma seleção na ordem correta.

13. Esquentar o clima numa banheira com água bem morninha é muito bom. Ajuda a relaxar e transforma até um papai-e-mamãe numa brincadeira superinteressante.

14. Ganhar carinho depois de tudo é muito bom, fico me sentindo querida e ainda mais desejada. O cara mostra que não é homem para uma noite só e isso me incentiva a pensar em maneiras de incendiar nossas ficadas.

15. Adoro usar espartilho, porque me sinto mais sensual. Acho incrível quando meu marido vai tirando cada peça e comentando, no meu ouvido, como fico bem com elas.

16. Com as luzes totalmente apagadas, enlouqueço quando ele resolve brincar de esconde-esconde. No nosso jogo, quem conseguir encontrar o outro tem a direito a fazer um pedido que será atendido imediatamente.

17. Passar uma camada bem fininha de óleo de massagem (e transar com ele espalhado pelo corpo) é de enlouquecer. Mas tem que ser aqueles produtos cheirosinhos, ou a gente se sente um verdadeiro pote de margarina.

18. Na hora h, gosto quando o meu marido comenta (em voz baixa), como é gostoso o movimento que estou fazendo. Esse tipo de elogio faz com que eu me empenhe ainda mais para agradar.

19. Vou ao delírio quando, antes de tirar minha calcinha, ele fica brincando com ela. Vale puxar as alcinhas, brincar com os lacinhos, puxar para um dos lados, acho que é uma das coisas que mais me deixa excitada.

20. Dançar só de camisola, bem agarradinhos, é uma delícia. Num dia bem frio.

21. Gosto quando o meu marido me deixa ficar por cima durante toda a transa. Melhor ainda quando ele me deixa fazer as coisas no meu ritmo e dá sinais de que está curtindo.

22. Meu marido é super-romântico e adora levar meu café-da-manhã na cama, quando dormimos juntos. Teve um dia, que ele preparou o meu suco preferido: abacaxi com hortelã e, na hora de pôr a bandeja no meu colo, acabou derrubando tudo em cima de mim. Em poucos segundos, ele resolveu a situação e, com muita disposição, começou a lamber todo o líquido derramado.

23. Gosto muito de brincar com aqueles dadinhos do amor. Minha melhor experiência aconteceu quando meu namorado levou um amigo para jogar com a gente e me deixou livre para escolher com qual dos dois queria cumprir o destino surgido a cada arremesso. Nossa relação ficou muito mais forte depois daquele dia.

24. Preciso sentir o meu marido por inteiro junto comigo. Adoro quando, em vez de ficar passeando com a mão, ele segura firme na minha cintura e vai apertando e soltando meu quadril de acordo com os movimentos que a gente faz.

25. Ganhar presentes é ótimo em qualquer situação, mas receber um conjunto de lingerie ou uma camisola supersexy (e ter a chance usar em seguida) é uma delícia. Meu namorado sempre faz isso e já sabe vestir e arrancar meus sutiãs melhor do que eu.

26. Perfumes me deixam louca, adoro quando meu marido fica cheiroso que, só de me abraçar, já transfere aquele cheiro para mim. Grudo nele e só me separo quando o suor é tanto que não conseguimos mais ficar agarrados.

27. A nuca, para mim, é uma zona mágica. Meu namorado já descobriu e aproveita. Ás vezes, estamos num bar e ele esfrega um copo com drink bem gelado no meu pescoço. Fico toda arrepiada. A seqüência inclui esfregadinhas com os dedos até chegar no delírio absoluto, quando ele me beija com todos movimentos e velocidades possíveis de que uma língua é capaz.

28. Fico superexcitada quando, antes de transar, meu marido permite que eu fique me arrastando inteira sobre o corpo dele, sentindo o toque das pernas, do peito, dos braços com outras partes do meu corpo, além da mão. São outros tipos de toque, que revelam o grau da nossaintimidade.

29. Acho as velas um item bastante romântico, gosto de transar com a luz apagada e algumas chamas espalhadas pelo quarto, em locais estratégicos. Quando o clima está pegando fogo, vou ao delírio se o cara pega uma delas e pinga umas gotinhas de cêra na minha barriga ou nas minhas costas. Mas tem que ser de surpresa para fazer efeito

30. Uma mordida no lugar certo é uma delícia, desperta um instinto animal que, normalmente, eu não revelo nem sob pressão. Onde é o lugar certo? Dependo do cara e da posição em que ele me pega.

31. Bancar a streaper é muito legal, desde que o cara aceite as regras e espere o momento de agir. Vale rebolar na frente dele, esfregar as pernas e insinuar depravações. Mas ele tem que assistir a tudo quietinho. Quando eu também não agüento mais esperar, dou o sinal verde.

32. Depois que consigo intimidade, gosto de amarrar as mãos dele e as minhas. Assim, sem o apoio delas, temos de dar um jeito de encontrar um encaixe que funcione perfeitamente. Até hoje, nunca falhou.
Provocar é uma das melhores sensações de esquenta.

33. Aguçar a percepção dele é diversão certa na minha cama. Coloco uma faixa nos olhos dele e deixo uma série de frutas, sucos e comidinhas por perto. Passo os ingredientes no meu corpo e peço que ele prove. Até adivinhar que sabor está degustando. Depois disso, é a vez de estimular o meu tato.
Fico com os olhos vendados e ele desliza, pelo meu corpo todo, esponjinhas, toalhas e tecidos umedecidos numa solução de água morna e essências perfumadas.

34. Sem pressa, é o máximo quando meu marido consegue tirar minha roupa só usando a boca e os dentes. Para deixá-lo mais animadinho, prefiro usar uma saia nesses dias - afinal, se o desespero for muito (ou a habilidade for pouca), conseguimos continuar a aventura sem decepção.

35. Verdade imbatível: adoro os homens que são (ou parecem) insaciáveis. Não existe nada pior do que o terrível soninho após uma transa, por mais maravilhosa que seja. Se o homem cansar mesmo, que pelo menos guarde o mínimo de energia para fazer carinho em mim, até que dois adormeçam.

Fonte: www.minhavida.com.br



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):