| em 05 maio 2009

PRELIMINARES - Uma necessidade Feminina

Acredite: cerca de 85% das mulheres não têm preliminares antes do sexo.

Isso significa que, antes da penetração, não existe carinho, nem beijos, nem abraços durante 20 minutos.

Os dados alarmantes são do Prosex (Projeto de Sexualidade ), em que foram entrevistadas mais de 13 mil pessoas. Apenas 15% deles podem-se dar ao luxo de, na relação sexual, ter o antes bem feito, o durante e o depois.

Tempo é fundamental !

A pressa, o cansaço e o hábito fazem com que os casais abreviem os
momentos juntos. E são minutos mais do que preciosos. "Os homens nem tanto, mas as mulheres precisam de, pelo menos, 20 minutos de preliminares. Sem isso, é impossível ter 100% de satisfação no sexo. Esse período de excitação antes da penetração influencia até mesmo no orgasmo", informa a sexóloga do Prosex, Margareth Marietto Labate.

A diferença entre sexos é explicável. As mulheres desde sempre foram
reprimidas, podadas. Sexo era tratado como tabu. Os homens, no entanto, sabem bem o que é se masturbar. "A forma diferente de criação dos dois originou um homem independente e racional e uma mulher sensível e emocional", diz a sexóloga do Prosex. Por isso, as mulheres necessitam de mais afeto e carinho. "Se bem que a falta de afeto tem atacado tanto homens quanto mulheres", diz Margareth.

Respire fundo e coragem !

Para reverter a situação, basta conversar com o parceiro. E a coragem? A educação repressora também tem influência nesta hora.

"As casadas são as que mais reclamam. Está havendo uma mudança entre mulheres na faixa dos 23 a 25 anos. Elas começam a pedir mais do que as mais velhas", revela a sexóloga. A solução é deixar a vergonha de lado e dialogar. Ou aguentar mais não sei quantos anos de casamento com qualidade mediana de sexo, engolindo a seco todas as futuras relações sexuais. Nesse caso, você decide. MESMO!

Fonte: http://sexo.vejatudo.com



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):