| em 22 maio 2010

Alimentação na terceira idade


A maioria dos idosos conserva os hábitos alimentares formados quando ainda eram mais jovens. Entretanto, muitas pessoas da terceira idade correm risco de desnutrição por vários motivos, dentre eles:

• Falta de informação sobre uma nutrição adequada;

• Limitações financeiras;

• Incapacidade física, que possa interferir na compra e preparo dos alimentos;

• Isolamento social;

• Falta de apetite;

• Má absorção provocada por doença gastrointestinal, que podem agravar ainda mais o estado nutricional do idoso;

• O uso a longo prazo de certos medicamentos, que interferem na absorção e o metabolismo de nutrientes, podendo também causar desnutrição nos idosos.

As modificações na alimentação de um idoso podem ser necessárias devido a certas características próprias do processo de envelhecimento.


Recomendações dietéticas para o idoso:

Com o passar do tempo, o corpo fica menos eficiente para absorver e usar alguns nutrientes; a osteoporose e outras doenças comuns em pessoas idosas também alteram as necessidades nutricionais. Consequentemente, o idoso pode precisar de quantidades extras dos seguintes nutrientes:

• Cálcio: previne a osteoporose e mantém os ossos saudáveis;

• Fibras: previne a constipação intestinal;

• Potássio: especialmente se tiver constipação ou utilizar diuréticos;

• Vitamina B12: participa da formação das células vermelhas do sangue e mantém os nervos saudáveis;

• Vitamina D: participa da absorção do cálcio;

• Zinco: ajuda a compensar a diminuição da imunidade.
Dicas práticas para alimentação do idoso:

• Estabeleça horários regulares para as refeições;

• Torne suas refeições agradáveis, mesmo comendo sozinho. Arrume a mesa ou utilize uma travessa bonita. Ponha a sua música preferida para levantar o humor.

•Se não gosta de comer sozinho, organize almoços ou jantares com os amigos e vizinhos.

• Escolha pratos que proporcionem contrastes de cor, textura e sabor ? use ervas e temperos. Uma pitada de noz-moscada ou canela pode compensar o paladar diminuído.

•Beba de 6 a 8 copos de água por dia, assim como suco ou refresco. Pessoas idosas geralmente sentem menos sede ou reduzem a ingestão de líquidos devido à incontinência urinária. Isso pode contribuir para a constipação intestinal e problemas renais, além de aumentar o risco de desidratação no verão.

•Se você tem problemas de mastigação, não há necessidade de fazer dieta líquida. Em vez disso, prepare peixe ou carne cozida e purês de legumes, sopas e outros alimentos nutritivos.

• Faça caminhadas diárias ou outro exercício físico, não sem antes procurar orientação do seu médico. O exercício físico não apenas preserva a força muscular, mas também melhora o apetite e o humor.

É importante que se tenha uma alimentação saudável e balanceada, composta pelos nutrientes necessários para manter o organismo equilibrado durante toda a vida, chegando na terceira idade com bastante disposição, energia e felicidade!


por Danielle Dutra Izac

Fonte: www.fitnessebemestar.com



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):