| em 16 junho 2010

Nuad borarn, a verdadeira massagem tailandesa


No Ocidente ela é conhecida por diferentes terminologias: Thai Massagem, Thai Yoga Massagem, Massagem Tradicional Tailandesa. Os diversos nomes podem causar certa confusão, mas precisaram ser criados para distinguir a técnica terapêutica da massagem erótica, também chamada da mesma forma.


A tradicional massagem tailandesa combina reflexologia, shiatsu, trabalho de energia, posturas de ioga, exercícios de respiração, ritmo, movimento, diversos tipos de pressão, ervas, compressas e uma seqüência composta por mais de uma centena de exercícios, alongamentos, torções e manipulações.

Como é feita

A técnica é feita no chão, sobre uma esteira, tapete ou um acolchoado de espuma, forrado em tecido de algodão. A massagem é dispensada por todo o corpo e abrange movimentos que trabalham as linhas de energia Sem. É por elas que circula a força vital do corpo – são equivalentes aos meridianos da medicina chinesa e às nadis na medicina indiana. A técnica se vale da aplicação de suaves pressões com as mãos, os pés e os cotovelos. É feita também uma ampla variação de movimentos de alongamento feitos pelo próprio terapeuta, que guia o paciente em algumas posições de ioga.


Benefícios


- Aumento da flexibilidade e da mobilidade articular
- Melhora da postura
- Diminuição de inchaços e edemas
- Relaxamento físico e mental
- Estímulo da circulação sanguínea e eliminação de toxinas
- Prevenção de lesões e distensões

Cuidados

A técnica não é indicada para pacientes que sofrem de hemofilia, hérnia de disco ou hérnia de hiato, hipertensão arterial e osteoporose. Também não é recomendada para pessoas que estejam fazendo quimioterapia, tenham sofrido fraturas recentes ou estejam em processo de recuperação de cirurgia recente. Mulheres grávidas a partir do terceiro mês de gestação ou que estejam no período menstrual também não devem se submeter à técnica.



por Daiane Parno

Fonte: delas.ig.com.br/bemestar



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):