| em 22 outubro 2010

Dieta Higienista: alternativa saudável para recuperar o bem-estar

Sentindo-se cansada(o), pesada(o), cheia(o) dieta higienista, que limpa, desintoxica e energiza o corpo.

Esse bem-estar é alcançado por meio da melhora do trânsito intestinal, da digestão e da assimilação dos nutrientes. Rica em antioxidantes, a dieta higienista diminui a ação dos radicais livres. Mas, atenção, ela só pode ser feita no
no máximo duas vezes na semana. Já a quantidade dos alimentos varia de acordo com as necessidades individuais.

No entanto, nos dias que fizer a dieta, evite consumir: leite, refrigerante, café, chá preto, carne vermelha e cereais refinados arroz, farinha e açúcar branco) e doces.

Mas não deixe faltar no cardápio alimentos funcionais, que protegem o organismo de doenças crônico-degenerativas, como pimentões, repolho, brócolis, couve, peixe, tomate, abacate, pimenta vermelha, iogurte, uvas vermelhas, alho, limão, abacaxi, cenoura, gergelim, cebola , soja e seus derivados.


Um cardápio de exemplo de uma dieta higienista:


CAFÉ DA MANHÃ:

Abacaxi ou mamão = papaína e bromalina
Cereais integrais (aveia em flocos ou granola) = vitaminas do complexo B e rico em fibras solúveis
Iogurte desnatado = lactobacillos
Mel ou açúcar mascavo = energia


Colação:

Frutas = vitaminas antioxidantes


Almoço:

Saladas com frutas = fibras e vitaminas
Legumes no vapor = ácido fólico e magnésio
Arroz integral ou macarrão integral = alimentos energéticos ricos em cromo e zinco
Peixe grelhado ou atum ou ovo caipira = fonte de ômega 3
suco de limão = vitamina C e adstringente de gorduras


Tarde:

Iogurte desnatado ou leite de soja = isoflavona
Cereal Integral = barra de cereal ou pão integral (fonte de energia)
Frutas = in natura ou salada de frutas (vitaminas antioxidantes)


Jantar:

Suco de uva ou vinho tinto = bioflavonóides
Saladas Mista ou Sopão de verduras = fibras e minerais
Queijo Branco ou Tofú = fonte de cálcio e proteínas
Pão integral = rico com fibras e ferro


Ceia:

Salada de frutas e leite fermentado

OBS: Regar as refeições com azeite de oliva, gergelim e usar 2 a 3 castanha do pará. Fonte de ômega 3.
Usar nesse dia chá verde e no caso de fome mais frutas.


*Luana Stoduto é nutricionista, formada pela Unigranrio e especialista em Administração de Serviços de Alimentação pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ).

Fonte: http://bemleve.click21.com.br/saude/



Arquivado em | , , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):