| em 30 março 2011

Refrigerantes e os riscos à saúde


Refrigerantes - Nocivos a Saúde


Quem inventou?

O refrigerante surgiu em 1676 em Paris, numa empresa que misturou água, sumo de limão e açúcar.
Em 1772, acrescentou-se gás no líquido, mas foi somente comercializado em 1830.


Qual a composição?

O refrigerante é uma bebida rica em:

- Corantes;
- Conservantes;
- Grandes quantidades de açúcar;
- Nas versões diet, light e zero (adoçantes artificiais);
- Cafeína;
- Um acidulante, o ácido fosfórico.


Porque devo evitar refrigerantes?

Se conta com os refrigerantes para passar o dia, é ora de reconsiderar sua opções.

O consumo freqüente aumenta o risco de:

- Cáries;
- Obesidade;
- Flatulência (gases);
- Agravar quadros de gastrite;
- Diabetes tipo 2;
- Riscos de ataque cardíaco
- Níveis elevados de triglicérides sanguíneos;
- Osteoporose.

Um copo de refrigerante = 9 colheres de chá de açúcar

No nosso organismo cada molécula de cálcio está sempre junta com uma molécula fósforo, são chamados de: Gêmeos (cálcio - fósforo - Metabólicos) onde está um, o outro está colado!

Quando tomamos refrigerantes, seja qual for o tipo, diet, light, zero, ocorre um desequilíbrio. Nos refrigerantes, existe muito fósforo, e para o organismo processar o fósforo, precisa do cálcio.


E ser for diet, light ou zero?

Light – possui menos caloria do que o normal

Diet e Zero – produzidos com adoçantes artificiais

Light, diet e zero são todos prejudiciais à saúde – devem ser consumidos esporadicamente (eu aconselho nunca!)

Muitas pessoas preferem os refrigerantes para matar a sede, mas eles costumam causar ainda mais sede do que antes, logo depois de consumidos. A água é ainda a melhor opção para matar a sede.

Outros substitutos saudáveis

Água de Côco, Chá gelado ou Suco de Frutas


Veja o que acontece com seu corpo quando você acaba de beber uma lata de refrigerante

Primeiros 10 minutos:
10 colheres de chá de açúcar batem no seu corpo, 100% do recomendado diariamente.
Você não vomita imediatamente pelo doce extremo, porque o ácido fosfórico corta o gosto.

20 minutos:
O nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina.
O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura (é muito para este momento em particular).

40 minutos:
A absorção de cafeína está completa. Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente. Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras.

45 minutos:
O corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo (fisicamente, funciona como com a heroína...).

50 minutos:
O ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo.
As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina, ou seja, está urinando seus ossos, uma das causas da OSTEOPOROSE.

60 minutos:
As propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina.
Agora é garantido que porá para fora cálcio, magnésio e zinco, minerais que seus ossos precisariam..
Conforme a onda abaixa você sofrerá um choque de açúcar.
Ficará irritadiço(a).
Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter levado junto nutrientes que farão falta ao seu organismo.


Pense nisso antes de beber refrigerantes.
Se não puder evitá-los, modere sua ingestão!
Prefira sucos naturais.
Seu corpo agradece!


Prof. Dr. Carlos Alexandre Fett - Faculdade de Educação Física da UFMT - Mestrado da Nutrição da UFMT - Laboratório de Aptidão Física e Metabolismo - 3615 8836
Consultoria em Performance Humana e Estética - http://www.vivaplenamente.com/



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):