| em 20 junho 2011

Romã, mais do que uma simples fruta

A romã na verdade, não é um fruto, e sim, uma infrutescência da romãzeira (Punica granatum). O seu interior é subdividido por finas películas, que formam pequenas sementes possuidoras de uma polpa comestível.

Além de ser saudável e refrescante, a romã tem motivos de sobra para entrar no seu cardápio, pois seus benefícios para saúde são mais do que comprovados.

Nativa do Norte da Índia e do Irã, de sementes vermelhas, tem seu consumo associado à redução dos níveis de colesterol ruim (LDL), além de ser rica em vitaminas dos complexos A e B, que protegem a visão e fortalecem o sistema imunológico, respectivamente, explica a nutricionista Flávia Bulgarelli, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). A fruta possui, também, grandes quantidades de cálcio, fósforo e potássio, além de propriedades anti-inflamatórias. Daí o costume popular de fazer gargarejos com chá de romã para aliviar dores na garganta. Para completar, o alimento é light – tem apenas 56 calorias em cada 100 gramas.


A romã ou Punica granatum, pertence à família das punicáceas. Nativa e domesticada no Irã (antiga Pérsia) por volta de 2000 A.C., esta fruta foi levada pelos fenícios para o Mediterrâneo de onde se difundiu para as Américas, chegando ao Brasil pelas mãos dos portugueses.

Além de linda, essa fruta tem elevada quantidade de fitoquímicos, com destaque para antocianinas, ácido gálico, catequinas poderosos antioxidantes e além de outros nutrientes, tais como ferro, cálcio, cloro, cromo, cobre, magnésio, manganês, potássio, selênio, sódio, zinco, vitamina C, prolina, valina, metionina, serotonina.

Todas as suas partes (semente, suco, casca, folhas, flores, raízes) são aproveitáveis, isto é possuem propriedades farmacológicas:

• Leve ação estrogênica: torna seu consumo interessante para o climatério.

• Antioxidante: previne doenças cardíacas, tem ação semelhante ao do chá verde, sendo superior ao vinho tinto. Diminui o mau colesterol.

• Antiinflamatória: é indicada para artrite reumatóide, doenças inflamatórias intestinais, e da mucosa oral. Não afeta a função cardiovascular como acontece com alguns medicamentos antiinflamatórios. Também tem ação antibacteriana.

• Anticancerígena: diminui a proliferação e crescimento celulares, previne câncer de próstata, oral, cutâneo, mamário, pulmonar, cólon e leucemia.

• Hipertensão e Aterosclerose: O consumo diário de 50 ml de suco de romã diminui a espessura da íntima média, além da redução da pressão arterial e da peroxidação lipídica, ou seja, a oxidação da gordura, gordura oxidada (é este tipo de gordura que entope os vasos).

Já o consumo de 240 ml de suco de romã, age na redução da isquemia induzida por estresse.

• Diabetes: Ação hipoglicemiante (extrato da Púnica) diminui a glicemia pela inibição da absorção de carboidratos.

• Beleza: A romã é rica em antioxidantes, que combatem os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce, leia-se flacidez cutânea, perda da elasticidade, rugas e manchas.

Aumenta o fator de proteção do filtro solar que você aplica na pele, o ácido elágico potencializa os níveis de glutationa, antioxidante produzido pelo organismo e que protege as células da ação dos raios solares, fonte de radicais livres. Além disso, inibe a proliferação de melanócitos, prevenindo manchas de sol.


RECEITAS COM ROMÃ

Mousse

1) Ingredientes do Mousse

• 500 g de chocolate branco picado;
• 130 g de açúcar;
• 300 ml de leite (aquecido);
• 5 gemas;
• ½ litro de iogurte de pêssego;
• 500 ml de creme de leite fresco.

2) Ingredientes da Calda

• 1 romã;
• 30 ml de água;
• 30 ml de xarope de romã;
• 30 g de açúcar.

PREPARO

Mousse - Bata as gemas com o açúcar e acrescente o leite. Misture. Leve ao fogo e, assim que levantar fervura apague. Acrescente o chocolate picado e mexa tudo até ficar homogêneo. Bata o creme de leite no ponto de chantili. Incorpore, delicadamente, a mistura de chocolate ao chantili, sem que ele perca o aerado. Divida o mousse em pontinhos de vidro e leve a geladeira.

Calda – Abra a romã, separe várias sementes e esprema a polpa para extrair o suco da fruta. Leve ao fogo o suco de romã, o açúcar, o xarope e a água, fervendo até obter o ponto de calda. Deixe esfriar, adicione as sementes reservadas e sirva sobre o mousse.

Rendimento: 12 porções.
Tempo de preparo: 2 horas (com o tempo de geladeira).


Suco "Elimina Barriga"
- 2 fatias de melão
- Sementes de 1 romã média
- Adoçante a gosto
- 200 ml de água mineral gelada

Bater todos os ingredientes no liquidificador e coar.

Suco "Antioxidante"
- Sementes de 4 romãs
- 1 colher de chá de mel
- 200 ml de água mineral gelada

Bater todos os ingredientes no liquidificador e coar.

Suco "Bronzeador"
- Sementes de 3 romãs
- 1 cenoura picada
- 1 laranja
- 150 ml de água mineral gelada

Bater todos os ingredientes no liquidificador e coar. O suco deve ser ingerido, e não pode ser passado sobre a pele.

Xarope de Romã
- 3 xícaras de chá de sementes de romã
- 2 xícaras de chá água
- 1 1/2 xícara de chá de açúcar mascavo
- Raspas de 2 limões
- Suco de 2 limões

Em um recipiente, esmague as sementes da romã formando um purê. Em uma panela, coloque o purê com o suco de limão e a água e deixe ferver por cerca de 15 minutos. Passe este suco em uma peneira e coloque-o de volta a panela, acrescentando os ingredientes restantes. Deixe ferver até que o líquido reduza pela metade e vire uma calda grossa. Armazene em um frasco de vidro limpo. Pode ser utilizado em no máximo 2 semanas.


Fontes:
Jornal Show da Fé – Ano 6 – Nº 62
Karina Rigo Nutricionista - http://souoqcomo.blogspot.com/
Emex Nutrição Orientada - http://www.emagrecendo.net.br/



Arquivado em | , , , , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):