| em 15 fevereiro 2012

Dicas de como ter um bronzeado lindo e duradouro

Alguns alimentos são capazes de prolongar o efeito dourado da pele. Saiba quais são eles e conheça outras dicas para manter a cor do verão.

Foto: Fotolia
O desejo de muitos é desfilar um corpo bronzeado durante todo o verão. Mas é normal que a cor dourada, que deixa a gente com uma aparência bonita e saudável, comece a desbotar após alguns dias longe do sol. É inevitável que uma hora o tom dourado vá embora, mas há algumas dicas para prolongá-lo ao máximo. Uma delas está no prato: alguns alimentos fornecem nutrientes que ajudam a deixar a pele bronzeada por mais tempo e ainda a protegem contra raios ultravioletas nocivos, UVA e UVB.

O sol ajuda a nos deixar com um tom mais saudável. Para quem já tem a pele naturalmente morena, pegar uma cor dourada é fácil. São as branquinhas que mais sentem dificuldade de chegar ao tom de pele do verão. Por isso, nós vamos dar dicas de como acelerar o bronzeado e conquistar uma cor do pecado. Aí entram suplementos, os alimentos mais adequados, o jeito certo de se expor ao sol e os fatores de proteção mais indicados para cada tipo de pele.

O betacaroteno, nutriente mágico, é uma provitamina presente em diversas frutas e legumes de cor amarela, alaranjada, avermelhada ou verde-escuro, e que se transforma em vitamina A no organismo, beneficiando a produção de melanina, o pigmento que dá o bronzeado à pele.

Cenoura, abóbora, beterraba, mamão, batata doce, couve, repolho, brócolis, agrião, espinafre, manga, chicória, caqui, pêssego, carambola e nectarina são alguns exemplos de alimentos que contêm betacaroteno em abundância. “A quantidade ideal de consumo para se obter o efeito desejado é de cinco porções por dia, que ainda vão fornecer fibras e outros nutrientes para o organismo”, ensina a nutricionista Valéria Franco, do Conselho Regional de Nutrição de São Paulo.

Dica: Para começar, vale esclarecer porque quem tem a pele mais morena fica bronzeada com tanta facilidade e quem é mais branquinha fica com a pele vermelha, parecendo um pimentão, quando expostas ao sol. A dermatologista Fabiana Pietro explica que o que determina uma pele mais escura é a quantidade de melanina, que dá à pele o pigmento marrom. O que acontece é que a melanina é responsável pela coloração e também é um ‘filtro solar’ da pele. “Quando as pessoas estão expostas ao sol, quanto mais morenas forem, menos raios ultravioletas atingem o DNA da pele por conta da quantidade de melanina que age como filtro solar. Nesse caso, quando os raios atingem o corpo, o DNA celular é estimulado e, dessa forma, induz-se a produção de mais melanina e, consequentemente, a cor bronzeada”, afirma a especialista.

Já as mais branquinhas têm pouca melanina e, portanto, não têm o filtro solar natural e quando os raios atingem o núcleo da célula, ela é lesionada e, conseqüentemente, fica com aquele efeito vermelho-pimentão. Daí a necessidade de aplicar filtro solar sempre!

Mas isso não significa que são só as mulheres mais brancas que devem se proteger do sol com filtros solares. Apesar das morenas já contarem com a sorte de ter ‘filtro solar’ natural, elas precisam fazer uso de protetores. Em peles morenas e negras, o FPS 15 é eficaz. Já quem tem pele clara necessita de FPS 30. Se a pessoa estiver exposta ao sol na praia ou piscina, o ideal é aplicar o protetor em casa, meia hora antes de chegar e reaplicar a cada 2 horas ou após mergulhar.

Para quem tem dificuldade de conquistar uma cor bronzeada, o dermatologista Jardis Volpe dá a dica. “Não adianta querer ficar exposta ao sol o dia inteiro com o intuito de ficar bronzeada. O ideal para conquistar uma cor mais duradoura e sem queimaduras é que a exposição seja gradual. A pessoa tem que se expor com protetor solar por 20 ou 30 minutos ao dia, de preferência, antes das 10h ou depois das 15h e ir conquistando um bronzeado ao longo dos dias”, ensina.

Alimentação: De acordo com Flávia Morais, nutricionista e coordenadora do Departamento de Nutrição da Rede Mundo Verde, uma alimentação colorida e variada que inclua alimentos fonte de carotenóides auxilia no processo de bronzeamento e na manutenção da cor. “O betacaroteno é o mais importante e mais abundante carotenóide presente na natureza, é um pigmento cuja cor varia do amarelo ao vermelho. Ele está presente na abóbora, cenoura, laranja, acerola, manga, batata-doce, mamão, pêssego, milho, tomate e em menor quantidade em vegetais folhosos verdes escuros como couve, brócolis, espinafre, rúcula, agrião”, sugere a nutricionista.

A especialista explica que esses alimentos têm vitamina A, que estimula a produção de melanina, por isso ajudam no bronzeamento. Mas não adianta consumi-los apenas no dia da exposição solar. “O consumo de betacaroteno deve ser frequente para fazer efeito. A sugestão é incluir esses alimentos nos 30 dias que antecedem a exposição ao sol”, afirma Flávia.

Além do betacaroteno, outros alimentos que também devem ser incluídos na alimentação são aqueles fontes de licopeno e ômega 3.

"O licopeno possui atividade antioxidante e desenvolve um papel fundamental na defesa contra o estresse oxidativo no corpo humano, o que contribui para a proteção da pele. Alimentos fontes dessa substância são: tomate, melancia, mamão, morango, goiaba e pitanga. Já o ômega 3 auxilia na absorção do betacaroteno. Semente de linhaça, quinua e nozes, são alimentos que contêm esse óleo", diz a nutricionista.

É importante lembrar que o consumo desses alimentos não exclui a necessidade do uso de protetor solar e exposição ao sol em horários adequados. Todas as regras descritas acima continuam valendo!

Suplementação para bronzear: quando é necessário usar?

Há quem não consiga fazer uma alimentação balanceada, ou por conta das refeições que são feitas às pressas ou pelo baixo consumo de frutas e verduras. Nesses casos de baixas taxas de betacaroteno no organismo, são recomendados suplementos alimentares que contenham substâncias antioxidantes, além de betacaroteno ou licopeno. A nutricionista Flávia Morais sugere que esses suplementos sejam consumidos nos 30 dias que antecedem a exposição solar.

No mercado, há opções interessantes de nutricosméticos que cumprem bem esse papel de acelerar e prolongar o bronzeado. A Nutricé, por exemplo, tem cápsula Sun Rescue, com licopeno de tomate, betacaroteno e vitamina E. A L’Oréal também já lançou seu Innéov Solar, com Skin Probiotic, um ativo natural que promete ajudar a pele a se regenerar das agressões sofridas pela exposição ao sol, ajudando a manter o bronzeado. Nesse caso, o uso de protetor solar também é indispensável.

Receitas que auxiliam na conquista do bronzeado:

Suco de cenoura com laranja e quinua

Ingredientes
- 1 cenoura média, de preferência orgânica
- suco de 2 laranjas, de preferência orgânicas
- 1 colher (sopa) de flocos que quinua
- cubos de gelo
Modo de Preparo
Higienizar e descascar a cenoura. Bater todos os ingredientes no liquidificador. Servir em seguida.

Suco de morango com laranja e semente de linhaça

Ingredientes
- 8 morangos, de preferência orgânicos
- suco de 2 laranjas, de preferência orgânicas
- 1 colher (sobremesa) de semente de linhaça
- cubos de gelo

Modo de Preparo
Bater todos os ingredientes no liquidificador e servir em seguida.

Salada de quinua com linhaça

Ingredientes

8 folhas de alface crespa, de preferência orgânicas
6 folhas de acelga, de preferência orgânicas
1 tomate em rodelas, de preferência orgânico
1 cenoura média ralada, de preferência orgânica
½ cebola ralada, de preferência orgânica
3 xícaras (chá) de agrião, de preferência orgânico
2 xícaras (chá) de quinua em grãos cozida
1 colher (sopa) de semente de linhaça triturada
½ xícara (chá) de nozes picadas
½ xícara (chá) de suco de limão
sal marinho a gosto
azeite de oliva extravirgem a gosto

Modo de Preparo

Lave e higienize todas as verduras. Em uma travessa, misture as folhas, a quinua, a cenoura, o tomate e as nozes picadas. Prepare o tempero misturando o s uco de limão com o sal, a cebola e o azeite de oliva e coloque na salada. Finalize salpicando a linhaça e sirva em seguida.

Salada de brócolis com tomate e milho

Ingredientes
4 ramos de brócolis, de preferência orgânicos
1 tomate, de preferência orgânico
4 colheres (sopa) de milho
1 colher (sopa) de azeite de oliva extravirgem
1 colher (sobremesa) de suco de limão
folhas de rúcula
sal marinho a gosto

Modo de Preparo
Higienizar o brócolis, o tomate e a rúcula. Cozinhar o brócolis no vapor até ficar al dente. Reservar. Cortar o tomate em cubos. Em uma travessa misturar o brócolis, o tomate em cubos e o milho. Temperar com o suco de limão, o azeite e o sal marinho. Decorar com folhas de rúcula. Servir.

Vitamina de frutas com quinua

Ingredientes
- 2 xícaras (chá) de leite de arroz
- 1 banana média, de preferência orgânica
- 1 maçã média, de preferência orgânica
- 1 fatia média de mamão, de preferência orgânico
- 2 colheres (sobremesa) de quinua em flocos
- cubos de gelo

Modo de Preparo
Bater todos os ingredientes no liquidificador. Servir em seguida.

Fontes: www.folhauniversal.com.br | cristianaarcangeli.com.br



Arquivado em | , , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):