| em 15 setembro 2012

Sutiã na medida certa!

ThinkStock/GettyImage
Nada pior do que um sutiã apertando ou que não para no lugar. Saiba como escolher o modelo ideal.

Você prova um sutiã antes de comprar? Se a resposta for não, é bom repensá-la. E o motivo é bem simples: assim como calça jeans tem uma modelagem diferente, as lingeries também seguem o mesmo padrão (ou falta de padrão)!). “O ideal é não ter preguiça de experimentar e as vendedoras das lojas têm que estar orientadas para te ajudar”, destaca Carolina Etz, designer de lingeries.


Tirando medidas

• Embora o mais indicado seja provar sempre que adquirir um novo sutiã, ter uma referência de tamanho ajuda na hora da compra.
• Para descobrir qual é o seu, pegue a fita métrica e meça a circunferência de seus seios, passando pelos mamilos. Em seguida, tire a medida logo abaixo do busto. Com os números em mãos, compare com a tabela.

Tamanho
Manequim
Busto
Abaixo do busto
PP
36 - 38
80 - 83
63 - 67
P
38 - 40
84 - 88
68 - 73
M
42 - 44
89 - 93
74 - 80
G
46 - 48
94 - 101
81 - 87
EG
48 - 50
102 - 110
88 - 95

Significado das letras

• Além do número, algumas marcas utilizam letras para indicar a modelagem da lingerie, que se referem ao tamanho do bojo. As variações existentes são AA, A, B, C, D, DD, DDD, que equivalem aos tamanhos 40, 42, 44, 46, 48, 50, 52.

• Assim, esse tipo de padrão é ideal para quem, por exemplo, tem as costas bem largas e precisa de um número maior de sutiã, mais possui seios pequenos.


Número certo

• Para saber se o tamanho de sutiã está apropriado ao seu corpo, verifique se o bojo fica bem firme nos seios e se ele não sobe ao levantar os braços. “A cintura do sutiã deve estar confortável, nem muito apertada, mas não muito solta, pois não deixará a peça firme ao corpo”, explica Lilian Rechzinsky, do departamento de criação da Ellan Moda Íntima.

• As alças também precisam estar reguladas corretamente para que a frente e a parte de trás da lingerie fiquem no mesmo alinhamento.



PARA TODAS!

Confira o estilo de sutiã ideal para cada tipo de corpo.

Seios grandes: procure por um que tenha uma pala abaixo do bojo, para garantir uma sustentação maior. E deixe de lado o enchimento!

Seios pequenos: recorra às peças com enchimento. Um bom tomara que caia realça o colo assim como o modelo nadador.

Seios Separados: prefira os que tenham o fecho na frente. Os sutiãs de alças cruzadas ou frente-única também ajudam a juntá-los.

Seios Caídos: se forem grandes, use modelos com base e com bojo. Caso contrário, aposte nos que possuem enchimento, garantindo mais formato aos seios.

Gordura Localizada: opte por peças mais largas, especialmente nas costas, para que não formes dobras no corpo.


Consultorias:

Carolina Etz, designer de lingeries. Site www.carolinaetz.com.br
Lilian Rechzinsky, da Ellan Moda Íntima. Site www.ellamodaintima.com.br

Texto de Natália Ortega | Revista Malu - Ano 14, Nº 525 | www.revistamalu.com



Arquivado em | , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):