| em 10 dezembro 2012

Os prós e os contras da depilação caseira

Os tipos de depilação caseira devem ser escolhidos com todo o cuidado necessário, sempre levando em conta os prós e os contras de cada método.



Foto: Reprodução

Cera
Tanto a quente quanto a fria, são alternativas seguras e oferecem resultados eficazes, pois removem completamente os pelos próximos da raiz. “A deve ser limpa e, se possível, use um esfoliante para liberar pelos que possam estar encravados”, aconselha a dermatologista Denise Steiner. Os movimentos devem ser firmes para obter melhor resultado na hora de eliminá-los.

PRÓS: remoção total dos pelos de forma rápida; crescimento em cerca de 30 dias.

CONTRAS: quando há tendência para pelos encravados, a cera não é um bom método, pois os arranca próximo da raiz e, até que cresçam, pode haver acúmulo de gordura e detritos no canal.


Giletes e lâminas
Antes de tudo, a pele deve ser esfoliada e limpa. É preciso deixar o local umedecido e usar um gel hidrante para a execução desse método. A escolha desse aparelho é fundamental, pois deve ser bem ajustado, com número de lâminas suficiente, flexibilidade para os movimentos e boa aderência à pele. Deve ser passado no sentido contrário aos pelos, com movimentos suaves.

PRÓS: é um método simples, prático, barato e indolor.

CONTRAS: é necessário efetuar a depilação com maior frequência que os demais métodos, pois tem curta duração. Pode causar alergias, irritação e até foliculite.


Aparelhos depilatórios
Existem modelos específicos para cada tipo de depilação. A pele sempre tem de estar limpa, esfoliada e, se possível, bem hidratada. O aparelho deve estar rigorosamente limpo e ser passado em movimentos ascendentes com a pele esticada, em seguida lavada e seca.

PRÓS: agride menos a pele do que as lâminas.

CONTRAS: é doloroso e lento, além de os pelos voltarem a crescer rapidamente.

* Depilador elétrico Satinelle: PHILIPS


Cremes depilatórios
São seguros, fáceis de usar e existe uma versão para cada tipo de pelo e pele, removendo os pelos com rapidez e eficácia a partir de 3 minutos. O creme deve ser espalhado de forma homogênea, e o produto deve permanecer na pele o tempo recomendado. É preciso retirar o cosmético com espátula ou toalha umedecida e ser devidamente enxaguada.

PRÓS: pessoas mais sensíveis à dor podem optar por este método, pois elimina os pelos sem incômodos, de forma prática e rápida.

CONTRAS: como a eliminação é superficial, os pelos podem reaparecer num período de 7 a 15 dias e, apesar de ser um método simples e seguro, pode não ser suficiente para eliminá-los completamente.


Adicione à sua lista de compras
Itens que dão aquela mãozinha na hora de garantir resultados mais duradouros e auxiliam na preparação da pele e na redução de possíveis inconvenientes.

1) Folhas plásticas de cera fria: DEPIL BELLA

2) Espuma desodorante: Demillus

3) Gel 2 em 1 para depilação com lâmina: MARY KAY

4) Gel sem sabão: GILLETTE


Veja também: Dicas de depilação para pele negra


TEXTO: NATHASHA VIANNA | CONSULTORIA: DENISE STEINER (DERMATOLOGISTA)

Revista Moda Moldes - Nº 38 - Ano 4 | www.facebook.com/ModaMoldes | www.revistaonline.com.br



Arquivado em | , , .





Receba novas postagens por e-mail


ATENÇÃO! - As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Comentário(s):